Passeios em Paraty e Trindade

O que fazer em Paraty

Após a noite romântica, acordamos bem mais dispostos, e só então percebemos a beleza da natureza à nossa volta!


Vista da sacada

Tomamos o café da manhã e fomos até o centro comprar cadeiras de praia para completar nosso "quite praia".
Seguimos para a praia de São Gonçalo, que fica a 27,9 km da praia do Jabaquara indo pela BR 101, onde encontramos um acesso por uma pequena trilha na própria rodovia.

Uma praia tranquila, com uma boa extensão de areia e sem ondas, ótima para crianças e para quem gosta de praticar esportes.

Não havia quiosques ou ambulantes, até porquê era uma quarta-feira e não era temporada, o que pra gente foi ótimo!

Final da trilha


Ótima para passar o dia com a família e para a prática de esportes náuticos.
Praia de São Gonçalo

Com o passar das horas, podemos aproveitar a sombra das árvores que tem no final da trilha, já na faixa de areia da praia.



No final da tarde voltamos para a pousada. Hora do almoço!
Passamos em um restaurante, compramos uma marmita* e fomos almoçar na piscina da pousada.

*dica para quem quer economizar na viagem: geralmente a marmita (marmitex, quentinha, como preferir) é muito bem servida e dá pra comer duas pessoas tranquilamente.

Foto editada para não aparecer a cerveja rsrsrs

Claro que aproveitamos um pouco a piscina né?!


Após um breve descanso, tomamos um belo banho e fomos passear no centro.
Uma graça!
Com muitos bares, restaurantes, praças, igreja, um belo cenário para fotos (pena que nosso celular não era tão bom para selfies à noite rsrsrs).

Foto tirada sobre a ponte - Centro de Paraty 

Voltamos para a pousada por volta das 23h já programando o dia seguinte... Iríamos para Trindade!


Trindade

No dia seguinte levantamos bem cedinho para ver o melhor e mais belo espetáculo do mundo: O nascer do SOL! Claro que no dia anterior eu pesquisei para saber o horário e não perder (risos)!

Praia do Jabaquara - Praty RJ

Nascer do sol em praia do Jabaquara

Após esse lindo espetáculo, voltamos para a pousada, tomamos nosso reforçado café da manhã* e pé na estrada! Fomos nos aventurar em Trindade.

Conhecendo Trindade

A distância entre a praia do Jabaquara e Trindade é de 26,2 km.
Trindade é um lugar lindo, porém pacato, rústico, ótimo para quem curte acampar e se conectar com a natureza.
Não dispõe de luxo, hotéis requintados e risorts, apenas pequenas pousadas, nada sofisticado.
Quer fazer caminhada Mata Atlântica adentro? Vá pra lá!
Lembre-se de não deixar rastro pelas trilhas ou praias, ok?!

Primeira parada Praia Brava (bota brava nisso!).
Uma praia totalmente deserta, não tem quiosques, ambulantes, moradores, nada! Nenhuma infraestrutura e muito menos salva-vidas!
Única forma de se chegar a esta praia é pela trilha, que começa na estrada de Trindade. Uma trilha de 30 minutos com dificuldade razoável.

Uma praia linda, deserta, com ondas grandes e fortes. Não me arrisquei a entrar.




Entrada da trilha para a Praia Brava



Pra descer todo santo ajuda!!!
Praia realmente muito linda.... e muito brava!


Ficamos ali pouco tempo (o suficiente para fazer umas fotos e se conectar com a natureza) curtindo o som do mar e dos animais ali existentes (embora não vimos nenhum, podíamos ouvi-los perfeitamente).

Partimos para a próxima praia!

Parada breve em Praia do Cepilho.
Uma praia boa para a prática de surf, com quiosques e pouco frequentada, é ótima para fazer uma pausa e relaxar na areia.
Praia do Cepilho


Seguimos para a Praia do Meio!
 A Praia do Meio é a mais procurada para quem está com crianças por ter um mar mais tranquilo.
Possui bares e restaurantes e lá também é possível fazer passeios de barco para as piscinas naturais.
É a praia que dá acesso à tão famosa pedra que engole e às piscinas naturais do Cachadaço.
Nesta praia é possível aproveitar as sombras das árvores, o que é maravilhoso!

Praia do Meio

Praia do Meio


Nossa última parada desse percurso foi a Praia dos Ranchos.
A praia possui uma boa extensão de faixa de areia, com muitos quiosques e boa infraestrutura para passar o dia.
Há muitos artesãos oferecendo seu trabalho!


Praia dos Ranchos

Flor feita por um artesão com a folha do coqueiro (tenho ela até hoje) 

Curtindo o pôr do sol em Paraty Mirim

O céu ficou nublado e decidimos partir para aonde tinha sol!
E terminamos nosso roteiro do dia em Paraty Mirim.
Não fica tão distante, porém o acesso é dificultoso, tendo uma boa parte de terra.
Com suas águas calmas e muitos peixes, é mais frequentada por moradores (provavelmente por conta do acesso), mas possui quiosques para atender a todos.

Enfim um mar calmo para banho e o sol raiando, não precisava de mais nada!

Praia de Paraty Mirim

Uma praia de mar calmo, ótima para prática de esportes náuticos
Claro que ele foi nadar, é seu esporte preferido!

À noite fomos para o centro da cidade.



Passeamos um pouco e voltamos para a pousada, não muito tarde, porque no dia seguinte já estaríamos na estrada novamente...


Localização de Trindade.



Localização de Parati-Mirim

Share:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários estarão visíveis após aprovação dos moderadores.
Agradecemos a sua visita.
Cadastre-se para ser avisado sobre novas publicações!

Popular Posts

Pesquisar este blog

Viaje conosco!

Receba as atualizações diretamente no seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

Seguidores

Postagens Recentes

Postagens mais visitadas